Adegas e Produtores

Bucelas

A Rota dos Vinhos de Bucelas, Carcavelos e Colares é já um clássico no concelho de Loures. Criada em 2003 para divulgar a tradição vitivinícola de uma região que dispõe de um conjunto de fatores favoráveis à dinamização do Enoturismo, a rota é ainda um pretexto para saborear o afamado vinho da Região Demarcada de Bucelas e visitar os produtores associados ao projeto. Dela fazem parte a Câmara Municipal de Loures e oito produtores/engarrafadores de vinho de Bucelas: Enoport United Wines; Wine Ventures – Quinta da Romeira; Chão do Prado; Couteaux da Murta; Boas Quintas; Quinta Nova de Bucelas; Monte do Roseiral e Quinta das Carrafouchas.

Ao participar nesta rota, poderá passear pelas quintas de produção vinícola existentes na freguesia de Bucelas, conhecer a vinha, visitar caves e adegas, participar em provas de vinho e até levar consigo, como recordação, o chamado “néctar dos deuses”.

No percurso ganha também destaque o património e a gastronomia, que permitem aos visitantes melhor conhecer a região, as suas gentes, desenvolvendo e gerando, assim, riqueza nas regiões.

Agenda da Região de Bucelas

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Confraria do Arinto Bucelas

A Confraria do Arinto de Bucelas foi constituída, em ato público, a 25 de julho de 2008.

Com o nascimento legal, a confraria compromete-se, através de um trabalho conjunto, a dinamizar a vida económica, social e cultural da vila de Bucelas, através da realização de diferentes atividades para divulgação, proteção e valorização da região demarcada, do vinho arinto de Bucelas e respetivos, património material e imaterial, paisagem e cultura, a eles associados.

 Em 1911, foi criada a Região Demarcada de Bucelas, que abrange, além da sede da freguesia, as povoações de Charneca, Vila de Rei, Bemposta, Catadouro, Santo Aleixo, Vila Nova, Chamboeira, Freixial, Stº. Antão do Tojal (lugares de Pintéus, Manjoeira e Arneiro) e Fanhões (lugares de Fanhões, Ribas de Cima e Ribas de Baixo Barras e Cocho). A principal casta utilizada é o arinto, podendo ser utilizadas também, em baixa percentagem as castas esgana-cão (sercial) e rabo-deovelha. Todas as confreiras e confrades têm por missão colaborar nos propósitos de valorização do património único que é o arinto de Bucelas, numa região com potencialidades para ser um destino turístico de qualidade.

 

 

 

Contactos 

Confraria do Arinto Bucelas

Rua Vasco da Gama, n.º 32  

2670-633 BUCELAS

GPS: N 38º 53' 59.736''   W 9º 6' 58.969'' 

T: 219 694 109 

M: 962 344 939

E: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

W: www.confrariadoarinto.com